terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Adeus Ano Velho…Feliz Pessoa Nova

Cada vez que encerra um ano, me despeço de alguém... Vejo uma pessoa indo embora, me acenando entre lágrimas e risos, com a certeza de que não nos veremos mais. A cada ano nos despedimos da criança que deixamos para trás. Crescemos, amadurecemos, evoluímos e é inevitável que essa criança dê espaço ao novo ser que surge dentro de nós. Jovens ou velhos, mantemos aquela criança lá guardada em algum lugar, esperando que, de vez em quando, falemos com ela... Ela ainda precisa de carinho e da nossa atenção. Mas, a vida passa, ganha anos e vamos nos esquecendo dessa criança.
Mais um ano se acaba e outro se inicia e eu fico procurando aquela criança para desejar-lhe um Feliz Ano Novo. Quero perguntar-lhe sobre mim, saber de meus medos, dos meus sonhos... Quero conhecer-me melhor, enxergar-me através de seus olhos e saber em qual ano nos despedimos. Mas, mais um ano se finda e quanto mais anos me entram vida à fora, menos lembro dessa criança.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Dois em Um

Eu sei muito sobre você! Mais do que você imagina!
Sei dos seus medos, de suas dores; conheço as suas alegrias, o seu silêncio...
Conheço os olhos que me chamam, sem nada dizer-me... Até mesmo quando a sua boca fala te conheço pela denúncia do olhar...
Sei mais de você do que de mim mesma, pois cedo a você tanto espaço dentro de mim, que pouco dele sobra para os meus pedaços... Mas é uma invasão consentida, autorizada e querida. Uma invasão que me enriquece e dá formas ao meu ser.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Amiga Blogueir@ da Semana – Samanta “Sammy”

Sammy O fascínio do convívio “virtual” é que ele nos proporciona não apenas leituras que agregam e estimulam cada vez mais ao nosso desenvolvimento intelectual; como o de podermos conhecer pessoas fascinantes! Nessas minhas “clicadas” um mundo novo se abre diante de meus olhos! E não apenas belos textos me surgem... Amizades se estreitam.  Samanta Modesto tornou-se uma grande amiga! Conhecemos-nos pessoalmente e só reafirmamos uma admiração mútua que teve o seu início num simples “clique”. Entrei no mundo de Sam e ela entrou (para ficar) no meu!
Uma vez por semana, Fênix - Mulheres que Renascem, publicará um texto escrito por uma dessas pessoas que tanto admiro e respeito. Na estréia, minha querida amiga Samanta nos brinda com esse delicioso e reflexivo texto e recomendo a todos os meus leitores que visitem o seu maravilhoso blog Vida Real da Sam para conhecerem outros pensamentos dessa contagiante escritora! Tenho certeza que todos irão se apaixonar e desejar serem amigos dela, assim como eu!
Obrigada, minha amiga querida por esse grande presente!!!
É o Inesperado que nos Move - Por Samanta Modesto

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

O Despertar do Natal - Apenas Uma Noite Feliz?

 
Chegamos a mais um final de ano...
Quando pensamos nos ciclos da vida, seria natural acreditarmos que, também, mais um ciclo se fecha ao final de cada ano. Entretanto as coisas não são bem assim...
Anos se acabam e se iniciam, mas as “pendências” não possuem o mesmo prazo de validade (exceto os compromissos financeiros). Nosso ciclo pessoal independe do término ou início de ano!
O que mais me deixa perplexa é ver como a “consciência” das pessoas ressurge no final de cada ano... É como se o calendário soasse tal qual um alerta ou

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

O Meio, Fim e Recomeço… Obrigada Curitiba!

Hoje quero compartilhar o meu pensamento e agradecimento...
Quantas vezes não nos pegamos em retrospectivas, avaliando atos e decisões que deram um rumo diferente em nossa vida? E quantas, dessas vezes, não pensamos em poder voltar ao passado e termos a chance de fazer tudo diferente? Um recomeço ou uma segunda chance, são desejos que temos quando olhamos para trás e sentimos que algo melhor poderia (e deveria) ser feito, mas que no ímpeto de nossa ansiedade, seguimos por um caminho oposto ao que realmente queríamos... Podemos amargar no inferno ou apenas vivermos no paraíso das conseqüências de nossas decisões.

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Notas que Compõem Meu Amor

Eu gostaria de saber com quantas notas se compõem uma linda canção... E se ela for de amor, que toque o fundo do coração e inunde a alma com aquela paz indecifrável... Quantas notas a mais precisaríamos para ter uma canção perfeita e sublime?
Descobri que dois corações unidos, ligados em pleno amor, ritmados no próprio compasso, podem dar os acordes de uma composição... E cada ato diário, empenhado em carinho constante, será a nota a mais... Cada sorriso de felicidade, compreensão ou agradecimento, fará com que a música ecoe pela vida.
Algumas canções são eternas, mas as melhores são aquelas compostas por nós... Através de nossa história e do amor que construímos pacientemente.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Plágio é Crime! Proibida a Cópia do Conteúdo desse Blog!!!