sexta-feira, 16 de julho de 2010

A Vida Como Presente!

Hoje é o meu aniversário!
Este não é um momento de autopromoção, mas um meio que encontrei para agradecer a Deus por todas as minhas conquistas e vitórias, pelas experiências que tive na vida.
Somos Abençoados Estou completando 41 anos de uma vida que me ofereceu em seu cardápio diversos sabores; alguns doces, outros amargos, de temperos variados. A oportunidade de chegar até aqui, me faz neste momento ser a pessoa mais feliz do mundo!
Enquanto todos celebram a passagem do ano como um momento de revisão de valores, de novas promessas, objetivos, metas; quando acreditam iniciar um novo ano, tenho essa visão em meu aniversário, afinal para mim, neste dia é que o ano, de fato, começa! Meu cronômetro começou a contar no momento em que nasci.

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Banho de Lágrimas

Quando eu era pequena, acreditava que as lágrimas lavavam a alma, existiam para irrigar o rosto e faziam nascer o sorriso. Um pensamento poético e inocente que me acompanhou e me fez não temer o choro. Nunca fui uma pessoa “chorona”, mas também nunca reprimi minhas lágrimas, fossem elas de alegria, emoção ou tristeza.
Vejo pessoas monitorando os sentimentos. Envergonham-se em demonstrar o choro, as lágrimas e a emoção. Pensam que isso as enfraquece ou prova que são “duras” e que, essa dureza, as torna mais respeitáveis.
Todos nós somos fracos e sensíveis. E que mal há nisso? Temos pontos vulneráveis, temos nossos limites e quando eles são ultrapassados, qual o problema em extravasá-los através das lágrimas?

sábado, 10 de julho de 2010

A Fênix de Cada Pessoa

Este texto (de minha autoria) foi publicado na coluna Papo Calcinha. Meu marido achou que é a “cara” do blog e que mereceria estar aqui para que os meus leitores pudessem vê-lo também. Então, atendendo ao pedido do meu amor, decidi publicá-lo e espero que gostem.
A Fênix, segundo a mitologia, era uma ave belíssima, de penas brilhantes e douradas, com uma força incrível, capaz de carregar em seus vôos, cargas pesadas. Quando morria, entrava em autocombustão e, tempos depois, renascia das próprias cinzas, ainda mais bela e forte!
fênix Em nossa vida, não somos diferentes! Todos nós passamos por grandes problemas e alguns deles desafiam até a própria fé. Mas, de uma forma ou outra, conseguimos superá-los e dar a volta por cima.
Não adianta sentar e lamentar pelos problemas. Conformarmos não nos torna fortes e tampouco nos faz realistas. O que nos fortalece nesses desafios é a atitude, a forma de encarar a situação de frente. Somos grandiosos se assim acreditarmos. Essa fé é que nos dará energias para superarmos qualquer obstáculo.

terça-feira, 6 de julho de 2010

Solidão – Amiga ou Inimiga?

As pessoas quando não falam sobre o amor, falam sobre a solidão. Como se um fosse oposto ou inimigo do outro! Na verdade, solidão nem sempre tem a ver com estar sozinho, sem alguém para amar. Da mesma forma que amando não significa que não se possa estar só.
Tudo é uma questão de ótica ou do que o momento exige.
Estar só pode ser uma condição necessária para reavaliações, para descobertas ou redescobertas, um momento especial que temos para conversar com o nosso interior. E ele é tão saudável quanto estar vivendo na euforia da paixão ou felicidade. Isolar-se pode ser uma excelente estratégia para redefinir uma conduta, um caminho a ser trilhado. É pedir um tempo ao mundo para assimilar tudo o que nos acontece em volta.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Plágio é Crime! Proibida a Cópia do Conteúdo desse Blog!!!