quinta-feira, 22 de abril de 2010

Gerenciando os Pensamentos

6ª LEI: GERENCIAR OS PENSAMENTOS
Quando somos abandonados pelo mundo, a solidão é superável; quando somos abandonados por nós mesmos, a solidão é quase incurável...
Gerenciar os pensamentos é capacitar o eu para ser autor da nossa história. É governar a construção de pensamentos que debilita a inteligência e a saúde psíquica. É ser livre para pensar, mas não escravo dos pensamentos. É ser líder de si mesmo. É deixar de ser espectador passivo das idéias negativas. É sair da poltrona, entrar no palco dos pensamentos e dizer: “Eu dirijo o script da minha vida.” Você é senhor ou servo dos seus pensamentos? Raramente encontramos pessoas que sabem gerenciar os pensamentos. Essa lei representa os pilares de uma vida feliz.

POR QUE GERENCIAR OS PENSAMENTOS?
A psicologia e a psiquiatria não só deixaram de investigar a atuação do eu como gerente da emoção, mas também como gerente do pensamento. Ficou intocável o principal fenômeno da inteligência. Por isso, sabemos tratar das doenças psíquicas, mas não sabemos produzir um homem feliz. Pelo fato de eu ter desenvolvido uma nova teoria da personalidade à luz da construção das cadeias de pensamentos, nada me preocupa tanto quanto gerenciar essa construção. O mundo das idéias pode se tornar uma fonte de deleite ou de aflição.
TRANSTORNO OBSESSIVO
Um dos transtornos que mais atormentam o ser humano e que é produzido na infância pela falta de gerenciamento dos pensamentos é a obsessão. Ela é caracterizada por idéias fixas sobre doenças, acidentes, assaltos, higiene. Vejamos um exemplo. Certa vez um paciente de origem árabe, culto e poliglota, me procurou, aflito. Era um dos melhores pilotos de aviação comercial de seu país. Quando voava no Oriente Médio dava assistência a pessoas mutiladas. Mas um dia começou a ter diarréia, febre, então, começou a ter idéia fixa de que tinha AIDS. Quanto mais ele produzia essa idéia, mais ficava ansioso, mais registrava essa ansiedade nos solos da memória, mais produzia matrizes doentias em seu inconsciente e mais gerava milhares de novas idéias sobre a AIDS. Assim fechou o ciclo da obsessão.
Dizia-me que antes era um Rambo, agora um homem frágil. Sabia que a AIDS tem um bom tratamento, mas se atormentava com a idéia de morte e de separação das pessoas que amava. Sofria pela AIDS virtual. Você sofre por algo virtual? Alguém dirá: “Esse caso é simples de resolver. Mande-o fazer exames para detectar o vírus da HIV.” Ledo engano! O eu sabe que as idéias são irreais, mas não consegue gerenciá-las e a emoção vive-as como se fossem reais. O eu se torna um joguete da obsessão, vítima desse transtorno. O paciente fez o exame e deu negativo. Ficou tranqüilo por uma semana. Depois começou a desconfiar que trocaram seu sangue. Assim, fez inúmeros outros exames. E sempre havia uma desculpa para repeti-lo. Era inteligente, mas algemado. Felizmente aprendeu a ser líder.
A falta de gerenciamento dos pensamentos também pode gerar a SCC, a síndrome compulsiva de comprar, e a SCE, a síndrome compulsiva de economizar. Os portadores da SCC aliviam sua ansiedade comprando. Compram roupas, sapatos, jóias, excessivamente. Gastam o que têm e o que não têm. Criam um caos financeiro que devasta sua paz. Os portadores da SCE vivem o lado oposto da moeda. Não gastam nada. O medo do futuro os priva do prazer. São escravos do amanhã. Se você for sedento por uma vida feliz, você terá de equilibrar-se no delicado tripé: ganhar, poupar e gastar. O pensamento pode se tornar um grande vilão da qualidade de vida e da felicidade de três formas.
Pensamento negativo
. É impressionante como nossa mente pensa tolices, rumina experiências ruins e remói preocupações. Os pensamentos negativos geram ansiedade e estressam o cérebro. Eles empobrecem ricos, aniquilam cientistas, abatem religiosos, destronam reis. Muitos, ao receberem um “não” ou uma crítica injusta, produzem milhares de pensamentos que os arrasam. Como você lida com as críticas?
Pensamento acelerado
. Não só o conteúdo negativo dos pensamentos estressa o ser humano, mas também a velocidade de construção dos pensamentos, mesmo se eles forem positivos. Essa é uma grande descoberta. O excesso de informações e o trabalho intelectual excessivo geram a síndrome SPA (síndrome do pensamento acelerado). A SPA é caracterizada por ansiedade, insatisfação, aversão à rotina, inquietação, fadiga excessiva, esquecimento. Centenas de milhões de pessoas têm SPA Incluindo os melhores executivos, médicos, advogados. Sua mente é agitada?
Sofrimento por antecipação
. O pensamento antecipatório é outro grande carrasco de uma vida feliz. Somos uma espécie que se auto-atormenta. Velamos o corpo antes da morte. Sofremos todos os dias por coisas que ainda não aconteceram. Mais de 90% dos monstros que criamos nunca se tornarão reais, mas somos especialistas em criá-los. Jovens se martirizam pela prova que farão, mães por imaginar que suas crianças usarão drogas, executivos por fantasiar a perda de seus empregos. Não se perturbe pelo amanhã. Já bastam os nossos problemas diários. Qual o resultado de pensar tanto? Uma fadiga descomunal. A escravidão foi abolida, a carga de trabalho diminuiu, os direitos humanos foram adquiridos. Por todas essas conquistas, somadas ao conforto proporcionado pela tecnologia esperávamos que o homem moderno vivesse um eterno descanso. Mas eis que inúmeras pessoas acordam cansadas, reclamam de fadiga excessiva. Imagine! Uma pessoa muito estressada e com a síndrome SPA pode gastar mais energia do que “dez” trabalhadores braçais. Sábio é o que faz muito, mas sabe poupar energia.
DICAS PARA GERENCIAR OS PENSAMENTOS
1) Vire a mesa dos seus pensamentos, critique cada pensamento negativo nos primeiros cinco segundos que produzi-lo para evitar o registro doentio;
2) Faça microrrelaxamentos para desacelerar o pensamento no trabalho, no trânsito;
3) Pratique o silêncio contemplativo, mude sua agenda e desenvolva a inteligência espiritual para enriquecer os pensamentos. Mas não se esqueça de que posso lhe dar água, mas não sede. Posso lhe dar as leis e as idéias, mas não a luz. Posso lhe dar a caneta e o papel, mas só você pode escrever a sua história.
(Dez Leis Para Ser Feliz – Dr. Augusto Cury – Editora Sextante)Livro Dez Leis para Ser Feliz
 

4 comentários:

  1. Simplesmete maravilhoso

    ResponderExcluir
  2. Olá "anônimo" !
    Que bom que gostou! Espero poder contribuir de alguma forma!
    Beijos e obrigada pela participação.

    ResponderExcluir
  3. adorei muito bom este Blog.
    parabéns!

    ResponderExcluir
  4. Olá,

    Bela texto! Parabéns!

    Dominar a nós mesmos e a nossos pensamentos é mais difícel do que dominar qualquer coisa.

    Abraços!
    LAuro Daniel

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Plágio é Crime! Proibida a Cópia do Conteúdo desse Blog!!!