terça-feira, 20 de abril de 2010

Mestre Interior

Meu mestre interior se chama intuição. Ele me guia, me orienta me ajuda a trilhar o caminho mais seguro.
Costumo dizer, quando alguém me pede opinião sobre algo, que todos nós temos as respostas para tudo! Bem lá no fundo de nossa alma, sabemos sempre o que é ou não a nossa verdade.
Esse dom, dizem, que está mais aflorado em nós mulheres. Por que será? Por que somos mais intuitivas que os homens? Porque reconhecemos os nossos sentimentos, aqueles que vêm do fundo de nossa emoção. Sabemos identificar, sem nenhuma vergonha, as nossas fraquezas e, por mais difícil que seja admiti-las, ainda assim nosso mestre interior nos adverte.

Os homens (não quero generalizar, pois para tudo há exceções) são mais práticos. Enxergam as coisas sob a ótica da razão. Não permitem que a essência de seus sentimentos, aflore de verdade. Estão sempre seguindo o seu instinto animal (perdoem se soa ofensivo). Um dia desses, estava olhando meus filhos brincarem. Minha pequena queria fazer comidinha, cuidar das bonecas, dar “papinha” à elas, enfim, colocava em prática o que pertence à essência feminina: cuidado, zelo, proteção... Meus meninos queriam sair para trabalhar, dirigir seus carros fictícios e depois voltarem para casa, cansados. Também demonstrando a natureza do homem.
Não estou criticando, de forma alguma, apenas fazendo uma analogia simples de como identificamos essas diferenças no nosso próprio dia-a-dia e como, desde pequenos, já percebemos as orientações. O nosso mestre interior está o tempo todo nos orientando, nos cercando de informações que indicam onde estamos pisando.
Não sei qual é o nome que você dá ao seu mestre interior. Alguns chamam de Deus, acham que está mais ligado a espiritualidade; outros (como eu) acreditam que seja apenas a intuição. Não importa o nome, mas o que peço: dê atenção a essa voz que ecoa dentro de você! Toda vez que estiver em dúvida, siga a sua intuição. O índice de acertos é muito maior. Por isso dizem que a primeira impressão é a que fica! Porque é o nosso mestre interior dando dicas.
Infelizmente muitas pessoas ainda preferem ignorar essa voz e partem para os mesmos erros, pisam nos mesmos solos e acabam se machucando. Não que errar não seja necessário. Claro que erramos e vamos errar sempre, pois é através dos erros que crescemos e aprendemos de verdade. Agora, se pudermos seguir por caminhos menos tortuosos, melhor, não é?

4 comentários:

  1. Sempre que deixamos de "ouvir" a nossa intuição "entramos pelo cano".

    Um abraço.

    Drauzio Milagres

    ResponderExcluir
  2. Pois é, meu amigo Drauzio! Você já reparou como quase sempre é assim? E por que ainda nos deixamos levar, ou melhor, não deixamos nos levar por essa voz, não é? Porque somos assim mesmo, de certa forma teimosos e gostamos de "pagar" pra vere quase sempre, sai caro demais!
    Um grande abraço e muito obrigada por seu precioso comentário!

    ResponderExcluir
  3. Por isso sou sempre a favor de se agir pela razão e nunca pela emoção.
    Abraços forte

    ResponderExcluir
  4. Olá amigo Príncipe! Ótimo argumento sob o ponto de vista masculino! Isso reforça a minha "teoria" de que a intuição é algo feminino mesmo. Porém, cada um sabe como agir, buscando seus próprios caminhos. Como disse, todos nós temos a verdade bem dentro de nós.
    Super beijo e obrigada por sua valiosa contribuição.

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Plágio é Crime! Proibida a Cópia do Conteúdo desse Blog!!!