domingo, 29 de dezembro de 2013

Apenas a Deus!

2013 não foi um ano fácil para mim e nem para a maioria das pessoas que conheço. Um ano interminável com intermináveis desafios. Oscilei entre o céu e o inferno diversas vezes, sentindo que caminhava sem forças, tal qual um automóvel na reserva, aguardando uma iminente parada... Ano em que todos os tipos de problemas surgiram, assim como todos os tipos de pessoas também... Ano em que minhas certezas se tornaram dúvidas e minhas dúvidas consolidaram certezas absurdamente absolutas!
Mas, entre todo o caos instalado em minha vida, sobrevivi... Venci a cada obstáculo e aqui estou novamente como uma Fênix, renascida de suas próprias cinzas.

Após essa intensa transição; deixo aqui a minha singela mensagem, baseada em minhas experiências e observações que, de alguma forma, me ajudaram nesta importante etapa da minha vida...
· Acredite, sobretudo, em sua força! Duvide sempre dos olhos incrédulos que te cercam, mas jamais de si mesmo!
· Resgate a humildade onde quer que ela esteja, porque sem ela, não enxergamos com verdade o que precisamos enxergar!
· Aprenda a selecionar os seus amigos prevalecendo qualidade e não quantidade.
· Não se iluda com juras, principalmente as de “amor eterno”; algumas pessoas adoram usar desse artifício para conquistar a sua confiança!
· Fortaleça-se nas pequenas coisas. Entenda que elas são fundamentais para a compreensão de algo muito maior.
· Ouça, observe, avalie, mas não ignore a sua intuição. Ela te levará longe!
· Comprove que as máximas “Dias melhores virão” e “Nada como um dia após o outro” são verdadeiras!
· Não subestime as pessoas, muito menos você!
· Não superestime as pessoas, principalmente porque elas são tão especiais quanto você!
· Ame sempre, mas não se esqueça de amar-se também. Se o amor constrói, aprenda a reconstruir-se através dele!
· Não dê demasiado valor às críticas. Você se conhece bem e sabe distinguir o útil do inútil. Jogue as inutilidades e futilidades no lixo, porque elas não te levarão a lugar algum!
· A cada porta que se fecha, uma janela se abre e é através dela que enxergamos as oportunidades.
· Não tema os recomeços.
· Não seja tão autocrítico. Alivie o peso de suas próprias cobranças!
· Não julgue em hipótese alguma. Os julgamentos são péssimos hábitos que devemos desaprender, porque normalmente são injustos. Eles magoam, enganam e impossibilitam o verdadeiro conhecimento!
· Permita-se às descobertas, expandindo a sua visão, sem limitá-la (ou limitar-se).
· Surpreenda-se.
· Aprenda a dizer não!
· Aprenda a ouvir o seu coração!
· Colecione boas lembranças e descarte tudo aquilo que te fizer mal.
· E, finalmente, VIVA! Viva sem medo do futuro e sem agarrar-se ao passado. Viva o presente, pois é ele que importa!
2013 não foi um ano fácil e talvez 2014 não seja também (ou não!); porém, a questão já não é mais sobre anos bons ou ruins e sim sobre aprendizado, fortalecimento e fé... É sobre a comprovação de que independente de qualquer acontecimento, a vida segue o seu curso e não podemos fugir dela. Posso afirmar que vivi um oceano de emoções, enfrentando águas turbulentas, bravas tempestades, provando do sal de minhas lágrimas, navegando por rotas confusas e incertas; mas a minha fé, essa poderosa bússola, me guiou novamente para águas tranquilas. E, aqui estou em paz e confiante de que as coisas não acontecem por acaso e sem um propósito.
Quando passamos por momentos difíceis, ficamos tão vulneráveis, que imediatamente nos desfazemos da fé. Sem ela, deixamos de acreditar em nós e passamos a absorver todo o lixo tóxico que encontramos pela frente. Ficamos a mercê das boas, mas, sobretudo, das más intenções alheias e é nesta hora que a fé se faz necessária! Fé em Deus, em si mesmo e na vida... As respostas nos chegam de formas surpreendentes e o melhor canal para recebê-las é o coração.
Por isso, a minha mensagem para este final e início de anos é para que mantenhamos a fé. Certamente muitos obstáculos virão, mas estaremos mais preparados para enfrentá-los porque conhecemos a nossa força e não duvidamos da nossa fé!
Dias melhores virão, e eles estão chegando! Então, desejo que estejamos renovados, para que possamos apreciar esses novos dias com saúde e paz. Lembre-se que promessas de final de ano só valerão se realmente pudermos cumpri-las, caso contrário servirão apenas para nos sobrecarregarem ainda mais em cobranças. Portanto, viva um dia por vez e não se atropele nas promessas, porque o importante é estarmos bem, da forma que podemos e ao lado daqueles que realmente nos importam.
2013 já é passado! Que venha 2014 e com ele todas as possibilidades de realizações! Que ele nos seja novo em todos os sentidos!
Jackie Freitas
*Imagens retiradas do Google Imagens

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Plágio é Crime! Proibida a Cópia do Conteúdo desse Blog!!!